Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tempo de virose...

por Susana Santos, em 01.07.15

tumblr_nkjjz4s8gK1szucndo1_500.png

 

Pois é mamãs e papás...
Mais uma "ose" cá por casa para nos desequilibrar, mas tudo o que não nos mata fortalece-nos.

Desta vez tudo começou com meia dúzia de borbulhas no peito do meu pequenote,

que em apenas 2 dias se tornaram centenas, no peito costas e algumas (poucas) no rosto,

pequeninas vermelhas e chatas como tudo, pois o pequenino coçava-se todo e ficou bastante irrequieto...

Esperamos 3 dias e decidimos ir fazer uma visita á Enfermeira M. que como sempre em conjunto com a Dra. C, são uns anjos amorosos e ultra-profissionais...

Diagnóstico...... A QUINTA DOENÇA... Ou mais assustador, Parvovírus B19
Pensei que tinha entrado num filme de ficção cientifica, mas acalmei com a explicação.
No fundo é mais uma virose, das tantas que os nossos pequeninos irão ter.

Ora vamos a explicações.

Descrição clínica – Nos primeiros dias, a criança sente-se doente e pode apresentar dores de cabeça, dores de garganta ou uma febre baixa. Surge depois o exantema, inicialmente nas bochechas, que se tornam muito vermelhas, como se a criança tivesse sido esbofeteada. Em seguida surgem manchas arredondadas e rosadas que se espalham por todo o corpo. Nesta fase, a criança já está bem disposta e as manchas desaparecem em sete dias, sem deixar qualquer marca. As manchas podem voltar a aparecer quando a criança faz exercício ou com o calor (por exemplo, no banho).

Não é necessário qualquer tratamento específico. Nos primeiros dias de doença, antes de aparecerem as manchas, pode ser necessário administrar um Benuron para baixar a temperatura.

A pele deve ser hidratada com um creme o mais neutro e natural possível, para aliviar tanto o prurido como a aparência irritada e seca da pele.

Como qualquer virose como vem do nada, assim desaparece, podendo demorar uma semana...
É chato!? É....... Mas passa............................... 


E o milagre dos milagres, doses de paciência e muitas muitas e carinho mimo e amor...
Sejam felizes!! 

Susana Santos

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:05

Falemos de saúde...

por Susana Santos, em 21.04.15

infecção respiratoria.jpg

 

Como calculam nestes 8meses já tivemos um pouco de tudo.

Uma verdadeira aventura...

  • Cólicas , que nos causaram noites de insónias e dores de costas tremendas pois o pequeno só queria dormir no regaço da mamã ou do papá.

    - Alivio: Doses gigantescas de carinho e paciência, umas toalhinhas molhadas em água quentinha, colocadas sobre o ventre do bebé, umas boas e carinhosas massagens na barriguinha , e em último recurso, já em desespero de causa (sim não somos de ferro e muitas vezes desesperamos) estimulação com o tão famoso Bebegel http://www.infarmed.pt/infomed/download_ficheiro.php?med_id=822&tipo_doc=fi.
     Além disso mãe linda a beber litros e litros de chá de funcho, as propriedades do mesmo são excelentes http://www.tuasaude.com/funcho/.


  • Constipação com febres altaspois por aqui chegou-se até aos 39,8º e tirou-se o termómetro antes dele "apitar"tal foi o susto. Diagnóstico é uma virose, aquela que todos os pais acham e chamam de "bicho papão".

    - Alivio:Pois a solução quando nada mais há a não ser febre e uma pequena irritação na garganta, e muita "ranhoca" e obstrução é de novo a poção mágica carinho e Kilos de paciência, muita hidratação, limpeza das fossas nasais com soro fisiológico ou água do mar(eu prefiro esta última,acho-a mais eficaz), e em caso de febre muito alta como foi o caso , Benuron de 8h em 8h. 

  • Bronquiolite, para mim esta até agora foi a pior de todas , mais custosa e dolorosa tanto para o pequenino como para os papás, ver o pequenino com falta de ar a arfar, com febre, muito choroso.
    Pois é a dita constipação, deixou uns malandros de uns vírus teimosos a viajarem até aos pulmões e a fazer este serviço.
    Mas mesmo assim o pequenino é forte, segundo os médicos ele estava muito bem disposto para o que estava a passar, segundo eles se fosse um adulto estaria digamos que "mais mariquinhas"... Hehehe

    - Alivio: Esta vez foi mais grave e mais custoso, mesmo com a poção mágica de carinho e paciência, foi demorada a recuperação, foram 12 dias em casa a recuperar,tivemos de adquirir uma máquina de aerossóis ( a "Tia" Cláudia foi um anjo caído do céu e deu-nos a dela) , aerossóis duas vezes ao dia com a medicação passada pelo Dr. , limpeza nasal com água do mar, muita hidratação , elevação da cabeceira da cama , para o pequenino respirar melhor, e sim vou admitir, algumas noites no aconchego da caminha dos papás, quem diz que nunca o fez, será que diz a verdade!!?? :D 

    P.S.: Mamãs não sou médica, apenas dou a minha experiência pessoal e dicas, de quem já passou por elas, e de forma a minimizar as vossas dúvidas e acalmar esses corações, mas nada como aconselharem-se com o médico, olhem os meus "melhores amigos" nestes meses, são os Doutores da Saúde 24 (808 24 24 24).

    Até logo! Boa viagem nesta louca aventura de amor!! 


     

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:21


Quando a vida nos presenteia com a dádiva de gerar uma vida, de sermos mães de sermos os seres mais felizes e realizados do Mundo, à que partilhar....

Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2015

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Posts mais comentados



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D